colu

Caminho das Cartas

0 Flares 0 Flares ×

A Justiça

Representada por Atena, a Deusa da Justiça, no tarô mitológico, a carta da Justiça vem bem a calhar em situações de dúvidas, confusão e falta de limite. Na imagem, ela segura uma espada, sugerindo que a mente esteja no comando, que seja tomada uma decisão racional e equilibrada.

O chão xadrez, em preto e branco, se refere à capacidade de considerar a claridade e a escuridão, e a balança, de pesar os dois lados. Ou seja, se você estiver vivendo uma situação assim, avalie a história, faça uma lista de “prós e contras” e tome a decisão que pareça mais justa, sem abrir a guarda para “serás” emocionais, que dão em outros “serás” até entrarmos num redemoinho de dúvidas. Resolva e siga em frente. 

arcano-8-justica-tarot-mitologico

A carta da Justiça analisa os dois lados e toma a decisão mais justa para todas as partes. Colherás o que plantou. Essa é a lei da Justiça. Também é bom usar do mesmo discernimento com a própria orientação da carta, tomando cuidado para não ditar verdades gerais que nem sempre se aplicam a uma situação particular.

Se o assunto envolver questões afetivas, ache a forma correta de se colocar sem sair cortando corações. Que a decisão seja firme e segura, mas que seja comunicada com doçura.

Piky Candeias é paulista, jornalista, taróloga, estudante de astrologia e curiosa sobre todos os processos terapêuticos que ajudam no equilibrio energético. Escreve neste espaço às sextas-feiras. E-mail:pikycandeias@gmail.com

 

Imagem do destaque: www.ethony.com

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 0 0 Flares ×